18/12/2008

Fechamos o ano com Tudo!


O livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL está sendo divulgado no site TudoRádio.com, considerado a maior fonte de informações sobre rádio da Internet.

A entrevista sobre o livro foi concedida a Fernanda Lima, jornalista e locutora profissional, que já trabalhou na Rede América de rádio, além de jornais e revistas. Atualmente, faz parte da equipe do Sistema Talk Rádio e do Clube dos Radialistas. Sócia da produtora Ecco Áudio Solutions.

10/12/2008

Especialista Recomenda o Livro.


O produtor de áudio Gabriel Passajou, um dos maiores especialistas em rádio do Brasil, com mais 20 anos de experiência, comenta sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL no seu blog.

04/12/2008

Curso de Locução do Senac/SP sorteia o livro!


Em janeiro de 2009, a jornalista e locutora Fernanda Lima(foto)  ministrou um curso intensivo de treinamento de locução em rádio, no Senac Unidade Lapa em São Paulo. O curso durou 2 semanas e tem como objetivo "treinar" os candidatos que querem desenvolver sua vida profissional com o rádio.

Houve, no final do curso, o sorteio do livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

13/11/2008

Entrevista para a Maior Fonte de Informações Sobre Rádio da Internet



Em dezembro os leitores do site TudoRadio.com, considerado a maior fonte de informações sobre rádio da Internet, acompanharão uma entrevista exclusiva sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

Leia agora alguns trechos:

Entrevista de Fernanda Lima, do TudoRádio, com Watson Weber, autor de VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

1-)Antes de mais nada, como o rádio mudou sua vida?
O rádio mudou minha vida quando eu comecei a vê-lo como instrumento de comunicação de massa, não mais como uma caixa de música. Percebi que no ar, somos, acima de tudo formadores de opinião. Podemos dar conselhos que realmente mudam o dia-a-dia das pessoas. Quando percebi isso, comecei a acompanhar o rádio de uma forma diferente.

2-)Você começou tudo isso como DJ.Como resolveu virar radialista?
Pois é, eu sempre estive muito ligado com a música. Comecei a tocar em pequenas festas e cheguei a montar um estúdio em casa pra brincar com música. Aí comecei a imitar os locutores de rádio em casa até que um amigo entregou uma das minhas “brincadeiras” arquivadas em fita cassete em uma rádio. Aí quando fui convidado pra gravar um piloto na rádio, vi que o negócio estava começando a ficar sério.

3-)No capítula 4 do livro você fala sobre a segmentação do rádio. Isso continua como tendência para o futuro?
Teremos rádios cada vez mais personalizadas. Uma só com sertanejo romântico, outra só com sertanejo universitário, outra só música de rodeio e por aí vai.

4-)No livro você comenta muito sobre o bom uso da voz; na sua opinião, o que seria um mau uso da voz?
É forçar a voz. É impostar de maneira errada. Em vez de fazer sua própria locução, tentar imitar outro locutor de rádio.

5-)Sobre a vida de locutor, você chama atenção de forma especial para o público feminino como ouvinte. Hoje,nas grandes capitais, as mulheres com toda a correria do dia-a-dia, ainda são preferência para as rádios como público –alvo?
Sem querer elas sempre vão ser as principais ouvintes. As mulheres são mais atentas às novidades, mais detalhistas, mais críticas, mais emotivas.

6-)O livro é um resumo básico de como se organiza uma rádio:promoções, ouvintes, audiência etc. Esse formato “padrão” que você descreve é válido para rádios de todo o Brasil, ou você acredita que o regionalismo dá o “tom” das rádios em geral?
Devemos pensar globalmente e agir localmente. Existe um formato padrão, que é utilizado nas grandes redes, mas esse formato deve ser adaptado à cultura de cada região para poder funcionar ainda melhor.

7-)O rádio é descrito como “Radioterapia”. Você, acredita que mesmo disputando com a web, a TV, ele ainda será uma boa terapia?
Comparando com web e com a TV o rádio é muito mais “light”. As informações são rápidas, mais precisas, mais regionais. O rádio toca o lado emocional das pessoas. Ele tem tudo que você quer. Tem música para acalmar e pra dançar, notícia da sua localidade, dicas de emprego, cursos, prêmios...

8-)O rádio é um estímulo à imaginação. Em um capítulo de seu livro, isso é descrito de forma mágica. Hoje as emissoras disponibilizam sites e webcam nos estúdios como forma do ouvinte ‘interagir’ e conhecer os profissionais que fazem o rádio. Isso não acaba com o encanto? E se o locutor(a) for feio (a)? Como faz? Rsrsr
Se o locutor for muito feio realmente não tem saída. Hehehe... Mas a webcam é simplesmente um acessório na transmissão radiofônica. A grande maioria dos ouvintes acompanha o rádio pelo seu aparelho tradicional mesmo. Nesse aparelho o encanto vai estar sempre presente, não importa a beleza do comunicador. Hehe.

9-)Qual sua visão do rádio para hoje e para o futuro?
Hoje o rádio está começando a se profissionalizar, as agências estão começando a distribuir a verba publicitária também para o rádio, mas ainda não estamos no ponto ideal. Com o rádio digital, em um futuro próximo, teremos mais canais de rádio. A emissora terá que ser mais profissional ainda. O anúncio publicitário ganhará canais mais específicos e será mais dirigida ainda.

10-)Acredita que este formato de rádio hoje permanece ou arrisca algum palpite com a chegada em definitivo do rádio digital?
A transição com certeza será mais lenta do que está sendo com a TV digital. É difícil precisar uma data para a transição definitiva, mas acredito que o rádio digital e o analógico conviverão juntos por muitos anos.

11-)O que acha da nova geração de locutores? São preparados?
Existem ainda muitos aventureiros na área, sem nenhuma formação. O que deveria mudar não é o locutor, mas o dono de rádio, que deveria pensar na profissionalização sua equipe.

12-) Quais os requisitos para ser um locutor de sucesso?
Existe uma série de informações que ajudam na formação de um locutor de sucesso, mas podemos resumir tudo em uma só palavra: “motivação”. O locutor motivado vai atrás do seu objetivo, toma atitude para fazer o melhor, é carismático no ar, é ousado e tem humildade para aprender sempre mais.

13-) E as rádios? O que precisa para ser um sucesso de ouvintes e destaque?
Descobrir o que o ouvinte quer, seja na música, nas informações, nos prêmios, e investir na qualidade sonora.

14-)Acredita que o futuro do rádio seja a radioweb? Ou seguir aquela linha: “faça você mesmo sua rádio”?
A radioweb é e continuará sendo um complemento à transmissão convencional. Assim como pensaram que o jornal, revistas e livros iam se acabar com a Internet. A Internet acrescenta informações aos veículos.

15-)Que conselhos e dicas você dá para aqueles que querem trabalhar no mágico mundo do rádio?
Estude em algum curso na área, leia bastante, treine, peça oportunidade em pequenas emissoras como estagiário, e boa sorte.

28/10/2008

55 Dicas Para Ser Um Locutor Completo.



1. Viva cada dia como se fosse o único.
2. Conviva sempre com os melhores, com os que pensam grande. Assim você terá em quem se espelhar e superar.
3. Para tornar-se um locutor de sucesso você tem que sentir prazer no que faz. Fazer de verdade, não simplesmente por fazer. Fazer por um objetivo na vida.
4. Não basta você oferecer às pessoas o que elas querem. O ideal é oferecer um algo a mais. Descubra o que as pessoas a sua volta desejam.
5. Fique tranqüilo, porque ninguém sabe mais que ninguém.
6. Ninguém é bom em tudo. Não tenha vergonha de perguntar.
7. Não tenha medo de errar. Errando se aprende. É caindo que você pega forçar para se firmar.
8. O melhor investimento é aprender. Seus bens materiais um dia acabarão e o que se aprende fica para sempre.
9. Siga seus princípios, mesmo que o caminho seja mais difícil e demorado. Se não há caminho a seguir, abra sua própria trilha.
10. Seja extraordinário e dê o melhor de si.
11. Evite corrigir. Tem vezes que o melhor é deixar o erro passar, e se desculpar, ao invés de tentar corrigir e errar novamente. Se você não tem certeza, informe-se primeiro, mas nunca “chute” uma informação. Você nunca deve “achar alguma coisa” quando estiver no ar, tenha sempre certeza do que está falando.
12. Cuidado para não depreciar uma empresa ou alguém.
13. Concentre-se. Pense bem no que vai falar.
14. Leia bastante jornais, revistas e livros.
15. Agrade as mulheres. Elas são as principais ouvintes e as mais detalhistas.
16. Treine em voz alta.
17. Não fuja do seu roteiro.
18. Seja você mesmo. Nenhuma técnica é mais importante que a sua naturalidade.
19. Não chegue em cima da hora. Prepare-se antes.
20. Fale num bom volume de voz e no seu tom certo.
21. Fale com bom ritmo, alternando a velocidade da fala para manter aceso o interesse dos ouvintes.
22. Tenha um vocabulário adequado ao seu perfil de público.
23. Fale com emoção. Demonstre interesse e envolvimento pelo assunto.
24. Tenha postura física correta para sua voz sair melhor.
25. Dê à sua fala um início, meio e fim.
26. Cuidado com as gaguejadas e com os hãaaaaa.... Isso passa insegurança.
27. Não tente decorar sua fala. Faça um roteiro com as principais informações.
28. Se der o “branco”, diga aos ouvintes que depois retomará esse assunto. É bom que você sempre tenha sempre um texto de apoio para caso você se perca na explicação.
29. Gesticule e faça a expressão facial trabalhar a seu favor. A fisionomia tem que estar relaxada, com um ar natural e descontraída, mesmo que as pessoas não estejam lhe vendo.
30. Nunca perca a calma.
31. Tenha cuidado para não falar demais. Você pode acabar perdendo o foco.
32. Entenda sobre o que você está falando. Nunca fale sobre algo que não conhece.
33. Tenha sempre uma “carta na manga” para improvisar.
34. Promova reuniões com bolo e café para toda a equipe. Em um momento assim de descontração dá para se aproveitar bastante coisa e ter novas idéias de programas e promoções.
35. Transmita objetividade, segurança e credibilidade na leitura da informação.
36. Marque as palavras que devem ser lidas com ênfase.
37. Marque pausas da sua respiração.
38. Assinale a pronúncia correta de nomes e lugares.
39. “Traduza” números romanos e ordinais.
40. Procure “abrasileirar” palavras estrangeiras.
41. Leia sem pressa.
42. Interprete o texto.
43. Respeite o tom da informação.
44. Acredite no que está lendo.
45. Cuide da dicção, articule bem as palavras, sem comer letras ou sílabas inteiras, nem deixar cair o tom de voz no final das frases.
46. Dê um ritmo à leitura.
47. Fique a uma boa distância do microfone para evitar a saturação do mesmo e acabar provocando distorção no áudio.
48. Leia pelo menos duas vezes o texto antes de ser apresentado no ar.
49. Antes de começar, teste e certifique-se que todos os comandos a serem dados à mesa de áudio estão preparados, tais como, músicas, vinhetas ou trilhas.
50. Esteja sempre atento para saber se existe alguma novidade na programação, tais como novas músicas, promoções, ou alterações técnicas nos equipamentos do estúdio.
51. Procure freqüentar eventos relacionados à sua área, coloque-se a disposição de rádios comunitárias para prestar serviços voluntários ou junto a colégios e universidades para explicar aos alunos sobre o dia-a-dia do seu trabalho.
52. Conheça bem sua rádio. Entenda o que você faz e para quem você faz, para fazer sempre o melhor.
53. Talvez nem fosse preciso dizer, mas a humildade é o ponto principal para quem almeja o sucesso. Ninguém faz nada sozinho e ninguém é insubstituível. Então faça o melhor e confie em você, mas sem querer passar os outros para trás.
54. Não seja mais 1, seja o número 1. Especialize-se e vá em frente, sempre!
55. O sucesso só depende de você. Sonhe e mexa-se para realizá-lo.

Mais dicas no livro: VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL – COMO O RÁDIO PODE MUDAR A SUA VIDA. (http://vocenuncaouviunadaigual.blogspot.com/)

01/10/2008

Essa palestra Você Nunca Ouviu Igual!

PALESTRA: "COMO FALAR BEM - Para convencer, vender, conquistar pessoas e se apresentar em público sem medo."

ASSUNTOS ABORDADOS:- Importância de falar bem; Qualquer pessoa consegue; Falar com Atitude; Técnicas de Comunicação; Interpretação; Dicas de Oratória; Marketing Pessoal; Palavras chaves para convencer;Motivação


Outras opções de palestras: O Livro Você Nunca Ouviu Nada Igual / Rádio /Locução / Oratória/ Comunicação Verbal.

Contrate pelo telefone: (47) 3340 22 20 ou pelo e-mail: watson@vinte.net

Sucesso já comprovado pelas instituições:
  • FURB - Universidade de Blumenau

  • ASSEVIM - Brusque

  • UNIASSELVI/ICPG - Indaial

  • IBES/SOCIESC

  • VIACREDI

  • CDL Blumenau

  • Senac

  • Viax Educação

29/09/2008

As minhas fitas cassetes.

Comecei em rádio há pouco tempo, cerca de 10 anos atrás. Não peguei a época do rolo, cartucho e do vinil. O MD já estava sendo substituído, em definitivo, pelo computador.
Muitos amigos relatam que naquela época era mais gostoso. Você se envolvia com as produções e os programas. Hoje não há tanto glamour, é tudo meio automático. É mais fácil agora, mas menos pessoal.
Meu primeiro contato com o mundo radiofônico foi por volta de 1997, quando eu comecei a gravar minhas produções caseiras em uma fita cassete. Tudo começou como uma diversão; depois, por conselho de colegas resolvi apresentar esse meu “portfólio” nas emissoras. Fui em rádio evangélica, danceteria e até rádio interna de shopping para mostrar o meu trabalho.
Em 1998 deram-me uma chance na primeira rádio FM de Gaspar (SC), a antiga Rádio Ativa FM, hoje Nativa. Em 1999, desenvolvi toda plástica de programação dessa rádio. O projeto de transformá-la em Nativa começou depois que participei do Programa de Treinamento da Rede Nativa FM, em São Paulo, e trouxe o conceito da rede para o sul do país.
Hoje a Nativa de Gaspar está desvinculada da rede. E eu a um bom tempo me desliguei da rádio para alçar vôos mais altos. Agradeço a essa emissora tudo o que aprendi. Aprendi na tentativa, errando algumas vezes e acertando outras. Não tive um professor ou orientador para dizer como me portar no ar, o que posso falar, para quem estou falando e se as pessoas estão ou não me entendo.
As dúvidas eram muitas. Eu não sabia se estava fazendo certo ou estava “pagando um mico”. Gravava meus programas para depois ouvir. Parava, analisava, pedia opiniões. As pessoas a minha volta diziam que estava bom, mas eu achava que poderia evoluir.
Comecei a ouvir outras emissoras de rádio. Pesquisei as concorrentes. Fiz um filtro do que era bom e ruim nas rádios brasileiras. Tentava fazer melhor, inovava. Criava “jargões”, desenvolvia novos programas. A Rádio Ativa foi uma oficina para mim. Uma escola sem professores. Um grande aprendizado.
Minha vida sempre esteve ligada ao rádio, ao áudio e à música. Antes da fita cassete, fui DJ em festas particulares e em pequenas casas noturnas em Florianópolis, cidade em que nasci e vivi até os 18 anos.
A minha formação acadêmica iniciou na primeira faculdade de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda do Estado de Santa Catarina, em Blumenau. Foi a partir daí que me apaixonei pela área de comunicação. Durante boa parte da minha faculdade, meu tempo foi dividido entre as aulas e as viagens de ônibus que fazia no trajeto Florianópolis à Blumenau, e vice-versa.
Nesse período ouvi muita rádio com meu walkman digital, que na época paguei o valor que hoje custa um iPod. Que saudade do meu rádio! Ele tinha um som maravilhoso e durante um bom tempo foi meu companheiro de estrada. Vinha ouvindo as rádios de Florianópolis, São José, Balneário Camboriú, Itajaí, Brusque até chegar a Blumenau.
Tinha tempo suficiente para curtir, ouvir e analisar tudo. Foi um aprendizado incrível. Ah… E agora não uso mais fita cassete, uso um “moderníssimo” pendrive.

26/09/2008

Declaração de Amor ao Rádio.

Recebi um comentário muito interessante:

Caro Sr. Watson Zucco Weber.

Como apaixonado por este veículo chamado rádio, desde minha infância, quando ouvia no rádio vitrola de meu pai , era um móvel grande de valvulas e a mudança de estações era com botão que movia com uma cordinha interna, que as vezes arrebetava, neste mesmo aparelho estava acoplado um dica disco, com direito a colocar até 8 discos em seu eixo. Isso aconteceu pelo ano de 1958, por influência de meu avô e meu pai e fique intrigado e ao mesmo tempo apaixonado pelo veículo rádio. Era fã incondicional de uma emissora que já não existe no dial ( RÁDIO TUPI DE SÃO PAULO - 1040 Khz) com o saudozo Corifeu de Azevedo Marques do Jornal Falado Tupi , e quando mais jovem pela sua co-irmã (RÁDIO DIFUSORA -SP - 960 kHZ) a modelo das Fms atuais , todas AM’s, e de propriedade dos Diarios Associados. Quando fechou ambas , já mais maduro , fiquei apaixonado pela emissora do segmento jornalisticos, é fiquei fã da JOVEM PAN -SP - 620 Khs. com o ícone do jornalismo : Fernando Viera de Mello, (tambem já falecido), Hoje ouço muito este segmento de rádio (jornalismo e esporte) e Fms ( com segmento de musica estilo flash back e adulta). Mais sou muto mais o rádio que qualquer outro veículo de comunicação, pois é apaixonante, imediato , criativo, imaginativo e acima de tudo atual. Grato e Parabéns pelo Livro !
JOSE CARLOS CARVALHO, I T U - SP

12/09/2008

Livro Auxilia Professores.


O professor Mário Jordão, de Cotia, São Paulo, que faz um trabalho muito interessante utilizando o rádio como ferramenta de ensino, deixa seu comentário sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

“Realmente afirmo que "EU nunca ouvi nada igual!" Obrigado pela atenção e pela dedicatória, parabéns pelo livro e pela oportunidade de partilhar um pouco da sua história de vida com o rádio, um veículo que também me fascina. Sou professor, e desde 2001 minha paixão pelo rádio pode aflorar e me fazer compartilhar essa emoção com crianças, professores e membros das comunidades escolares onde tive a oportunidade de conhecer. Em 2001 participei do projeto educom.radio aqui em São Paulo, onde comecei como coordenador de grupo, passando a formador de equipes e finalizando como articulador de grupo. O projeto educom trabalhava com oficinas de rádio onde as crianças faziam o papel de protagonistas, de agentes do discurso, crianças falando para crianças em programas de rádio produzidos por elas. Atualmente trabalho na Secretaria de Educação de Cotia com cursos de formação para professores, e qual curso é a menina dos meus olhos??? ELEMENTAR MEU CARO WATSON!!! O RÁDIO. Uma das minhas propostas é mostrar aos professores que um trabalho de comunicação pode ser desenvolvido com escassez de recursos e precariedade técnica.”

Conheça um pouco do trabalho do professor Mário Jordão: http://www.podcast1.com.br/canal.php?codigo_canal=3502
(Programas de rádio realizados em oficinas com professores da rede pública de ensino de Cotia - SP)

22/07/2008

Livro é apresentado na Rádio Nereu Ramos.

O programa Opinião Pública da Rádio Nereu Ramos de Blumenau, apresentado por Jorge Theiss, no dia 21 de junho, abriu espaço para comentar sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

14/07/2008

Livro vira material didático em cursos de locução!

O livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL já faz parte do Curso de Locutor para Rádio e TV da Via Expressa Comunicação. Os novos alunos do curso completo estão recebendo o livro como material de apoio às aulas.

Informações sobre os cursos: viaxedu.com

08/07/2008

Aperfeiçoando sua Comunicação


Eu estou junto com o especialista em comunicação Edemilson Amauri Canci, o psicólogo Moacir César de Borba Jr., e a fonoaudióloga Fabiana Coelho Riechel González Klein lançando também o livro COMUNICAÇÃO PERSUASIVA - FAZENDO A DIFERENÇA. (Ed. Nova Letra, 2008, 74 páginas).
Você precisa se comunicar bem para:
- Conseguir um emprego
- Apresentar trabalhos escolares
- Expor suas idéias em uma reunião
- Aprovar um projeto
- Defender uma tese
- Vender
- Negociar
- Motivar a equipe
- Aumentar a auto-estima

Informações pelo e-mail: watson@vinte.net

30/06/2008

Livro é apresentado em Congresso Estadual de Rádio!



No IV Congresso Estadual de Radiodifusão Comunitária da Associação de Rádios Comunitárias do Vale do Itajaí e de Santa Catarina - ARCOVALI, foi apresenta o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.
O evento ocorreu dias 28 e 29 de Junho 2008 no Salão de Eventos do Hotel Spazio , em Taió - SC.

27/06/2008

O rádio não tem futuro?



Veja o que diziam sobre o Rádio:

"O rádio não tem futuro". Lord Kelvin, matemático e físico escocês, ex-presidente da Sociedade Real, em 1897.

"A caixa de música sem fio não tem futuro comercial imaginável. Quem pagaria por uma mensagem mandada para ninguém em particular?". Sócios de David Sarnoff respondendo a um documento que pedia investimento no rádio, em 1921.

"Lee DeForest disse inúmeras vezes em muitos jornais e assumiu a responsabilidade de que seria possível um dia transmitir a voz humana pelo Atlântico muitos anos antes. Baseado nessa declarações absurdas e deliberadamente errôneas, o público foi levado a comprar ações da sua companhia..." Juiz norte-americano, culpando o inventor Lee DeForest por vender ações fraudulentas em carta para sua empresa Radio Telephone Company, em 1913.

Por isso sempre digo: mesmo que todos estejam contra você, siga suas intuições. Quem faz sempre a mesma coisa, tem sempre os mesmos resultados.
Para se destacar da maioria seja extraordinário!

O rádio muda a vida das pessoas, saiba mais no livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

Sindicato de Rádio e TV também fala livro que é sucesso em todo lugar!

O site do SINDICATO DAS EMPRESAS DE RÁDIO E TELEVISÃO DO ESTADO DE SANTA CATARINA publica artigo referente ao livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.
Leia o artigo aqui.

26/06/2008

Agora é a vez da Rádio Agência!



Rádio Agência, o principal site nacional de notícias sobre rádio informa:

"Publicitário lança livro sobre a emoção do Rádio".

23/06/2008

Livro começa a ter destaque nacional!



PORTAL DA PROPAGANDA, um dos sites de comunicação mais acessados do Brasil, publica matéria sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

20/06/2008

Livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL vira coluna semanal!



A partir de hoje, semanalmente, você pode acompanhar artigos baseados no livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL no site CAROS OUVINTES.

12/06/2008

Conheça mais do livro que é notícia em vários sites!


No site: http://www.carosouvintes.org.br/ você vai ler um ótimo resumo do livro:

"O publicitário e radialista Watson Zucco Weber estréia com um livro, no mínimo diferente. Ele começa por mostrar o rádio como “uma maneira fácil de exercitar nossa imaginação a hora que quisermos e de graça”. O livro já está nas livrarias de Blumenau e também pode ser adquirido pela Internet e o Watson fala dele aqui.

O rádio é lúdico
“Comecei no final do ano passado a estudar mais a fundo o meio rádio” e percebi que muito se comenta sobre história, sobre os fatos ocorridos no dia-a-dia e sobre técnicas para locução. Senti a falta de informação sobre a parte lúdica do rádio”.

O rádio muda a vida das pessoas
“Então aproveitei e juntei a história e as técnicas para descobrir o rádio de um novo ângulo, ainda pouco explorado. Analiso o porque que o rádio, ainda hoje, muda a vida das pessoas, pois eu acredito que Você Nunca Ouviu Nada Igual. Quem trabalha no meio, ou ouve rádio diariamente, não percebe como essa mídia, sem querer, pode mudar a vida das pessoas”.

A quem se destina
“Escrevi pensando numa obra diferente, destinada aos profissionais da área, estudantes de comunicação, ouvintes e admiradores do rádio”. Leitura“A cada capítulo, o livro fica mais interessante, misturando fatos da história do rádio local e mundial com dicas profissionais, uma pitada de motivação e até um pouco de ficção para “ilustrar” as explicações”.

Conteúdo
“História do Rádio, Segmentação, Rádio do Futuro, Vida de Locutor, Falando em Público, Gerenciando e Motivando a Equipe, Promoções, Conquistando a Audiência, Estilo Popular, Vantagens do Rádio, Rádio-Terapia, Imaginação, Sucesso, Sonho e muito mais”.

Pensamento
“Diz-se que existem muitas bibliografias sobre a história do rádio e de técnicas utilizadas por locutores, mas pouco se conhece sobre o mundo de fantasias por trás do rádio”.

Autor
“Meu nome é Watson Zucco Weber. Estudei, me graduei e fiz pós-graduação na Furb. Atualmente sou professor, produtor de áudio e locutor da Guararema FM, de Blumenau.

Onde comprar

09/06/2008

Entrevista sobre o livro também em Gaspar.

Estive dia 08 de junho divulgando o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL na rádio Sentinela do Vale, de Gaspar-SC, no programa de Joni C. Kormann. Parabéns à Maria Machado que ganhou um livro no sorteio!

04/06/2008

Site de comunicação dá destaque para o livro!


AcontecendoAqui.com.br, um dos maiores e mais respeitados sites de comunicação de Santa Catarina, com mais de 10.000 assinantes, comenta sobre o livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL. Clique aqui para ler a matéria na íntegra.

03/06/2008

Palestra do livro foi um Show no Festival de Comunicação!


Esclarecer os principais desafios do profissional multimídia é o objetivo do 1º Festival Interdisciplinar de Comunicação (ICOM). Entre 2 e 4 de junho alunos dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda do Ibes Sociesc terão a oportunidade de absorver experiências através de workhops e palestras com profissionais da área de comunicação de Santa Catarina.
Eu estive dia 02 de junho abrindo o evento e falando de comunicação verbal e do livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL. Agradeço o convite, os presentes da organização, e o carinho por parte dos mais de 300 alunos de comunicação social.
Informações do evento: http://www.festivalicom.com.br/

30/05/2008

O livro é notícia em todo o lugar!



Agora é a vez do Jornal Correio Comunitário (ed. 147, de maio/2008) dar destaque ao livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

23/05/2008

O Livro na TV!





Livro foi destaque nesta semana na TV Galega (transmissão via tv a cabo para Blumenau, NET e BTV, canal 7) . Foram exibidas entrevistas no Programa Mesa de Bar, apresentado por ALTAIR PIMPÃO (foto2) e no Programa Arte e Cultura (foto1), apresentado por ELIOMAR RUSSI.
Mais informações sobre a TV Galega no site: http://www.tvgalega.com.br/

17/05/2008

Livro é destaque no Festival Interdisciplinar de Comunicação!

Com muito prazer que recebo o convite para dar uma palestra no 1º Festival ICOM - Festival Interdisciplinar de Comunicação, que será realizado no SOCIESC/IBES, em Blumenau, de 02 a 04 de junho de 2008.

O evento contará com 04 palestrantes:


•Watson Zucco Weber - dia 02/06 início as 19:00hs;
•Luciana Zonta e Giselle Zambiazzi - dia 02/06 início as 20:30hs;
• Bruno Watte - dia 04/06 início as 19:00hs;
• Mario Motta - dia 04/06 início as 20:30hs.


Essa é a turma do 5º semestre de Publicidade e Propaganda que está promovendo o festival.
Acontecerão ainda 17 (dezessete) oficinas didáticas no âmbito da comunicação social e para finalizar, terá apresentação dos trabalhos interdisciplinares dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda. O evento contará com a presença de aproximadamente 275 acadêmicos de comunicação social, dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda. O curso de comunicação do SOCIESC/IBES conta com 5 (cinco) turmas de Jornalismo, 4 (quatro) de Publicidade e Propaganda, 28 (vinte e oito) professores, 1 (um) laboratório de rádio, 1 (um) de televisão, 1 (um) auditório com capacidade para 130 pessoas e 4 (quatro) laboratórios de informática.

14/05/2008

Chega de anti-depressivos e terapias! O rádio vai mudar a sua vida!


VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL é o livro que faltava na sua cabeceira. É diferente! É emocionante! Quem leu, adorou!
 
VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL dá dicas de como você pode utilizar o veículo rádio em seu próprio benefício ou para ajudar as pessoas que estão à sua volta. Imperdível!

12/05/2008

Quem está lendo está adorando!

Rosinha Monkees já leu o livro e fez um super comentário em seu blog que tem cerca de 10.000 visitantes por mês:
"Você nunca ouviu nada igual
Nem leu. É sério!!! Esse título aí em cima é do livro do Watson Zucco Weber, publicitário e pós-graduado em Novas Mídias, Rádio e TV que atua como redator, produtor de áudio para TV e rádio e também embala a trilha sonora de nossa vida como locutor da Guararema FM de Blumenau.Nas 105 páginas de seu livro, Watson nos conta com bom humor como o rádio pode mudar a sua vida e, ao final de cada capítulo, nos brinda com lições de vida bem legais. O rádio já é um item presente na minha família desde os tempos de infância de minha mãe que já ouvia rádio antes de meu tio Vadô, irmão dela, nascer e virar locutor numa rádio de Dois Córregos (onde o repórter Carlos Nascimento, por coincidência, começou sua carreira). Aliás, minha mãe ainda tem o primeiro rádio que ela comprou… à válvula… e que ainda funciona!!!!!Este livro é recomendado para todo mundo que tem o rádio como item básico e essencial em sua casa (no meu caso, em meu computador, hehehe) e pode ser adquirido nas melhores casas do ramo ou aqui mesmo, no blog do Watson."

Confira a homenagem direto no blog de Rosinha. Clique aqui.

04/05/2008

Depoimentos importantes sobre o livro!

Mário Motta, apresentador do Jornal do Almoço da RBS TV (foto), disse:

"Grande WATSON - temos algo em comum - também ADORO RÁDIO. Aliás, meus pais eram apresentadores de um programa sertanejo na Rádio Bandeirantes de SP nas décadas de 40/50 (século passado rssss), quando eu nasci. Eu iniciei minha vida nas comunicações em Rádio (depois do Circo é claro) e amo o Rádio como um veículo que permite e exige do ouvinte a sua atenção, respeitando seus conhecimento e proporcionando a possibilidade de que ele venha ser o co-produtor da notícia (...) Terei o imenso prazer de ler seu trabalho e divulgá-lo por todos os veículos possíveis e por todos os meus poros também... Um fraterno abraço do amigo Mário Motta. Felicidades radioamigo..."
____________________
Aramis Samyr Novaes, diretor presidente do Grupo Ebram de São Paulo, disse:
"Prezado Watson, acabei de ler o seu livro "Voce Nunca Ouviu Nada Igual", você, através do seu livro, demonstrou todo o seu bom carater pessoal e conciência profissional, além de apresentar como o Rádio pode mudar a nossa vida, a cada capítulo uma "Lição Para A Vida ", nos mostrando com atitudes e otimismo o bom profissional que voce é, PARABÉNS. Favor me enviar mais 5 unidades do seu livro , e a conta bancária onde posso depositar o valor correspondente, vou recomendar a leitura do seu livro aos meus amigos. Aguardamos anciosos o seu próximo livro. Abraços, Aramis Samyr Novaes."
_______________________
Edemilson Canci, especialista em Comunicação pela PUC-SP, disse:
"Olá Estimado amigo Watson, acabo de ler sua obra maravilhosa - VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL, parabéns pela qualidade do livro e pelo carinho com que você escreveu cada idéia expressa. Pode contar com a Via Expressa como grande parceria para divulgar o livro. Podemos até mesmo adotar ele como material didático de nossos cursos. O livro é realmente extraordinário, acredito que podemos até ter um cachorro como mascote do curso de Locutor.... adorei a idéia. Um big abraço e muito sucesso!!! Atenciosamente, Edemilson Canci.
______________________
Hélio Marinho, repórter cinematográfico da RBS TV, disse:

"Parabéns pelo trabalho! Acho que o livro pode se tornar um guia para muitos acadêmicos e para os amantes do rádio. Acho que a escolha do Clóvis para o prefácio foi mais do que certa. Parabéns pela iniciativa e pode acreditar que a tua paixão pelo rádio é contagiante. Assim que eu puder vou ler o livro, de novo...PARABÉNS!"
______________________
Altair Pimpão, diretor geral da TV Galega, disse:
"Em primeiro lugar quero dizer que li o seu livro. Parabéns! Dizem que nós aumentamos, mas não inventamos. Você, contudo, não aumentou. Fez uma análise perfeita do rádio, suas possibilidades e perspectivas."

23/04/2008

Imprensa dá destaque ao livro!



O livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL já foi destaque nos programas de TV:
  • Blumenau É 10, de Fábio Fidler, na TV Galega;
  • Ver Mais, apresentado por Cinthia Canziani, na Ric Record;
  • Jornal de Blumenau, da TV Galega, ancorado por Angélica Sattler (foto).
  • Edição Local - FURB TV;
  • Mesa de Bar com Altair Pimpão- TV Galega.

19/04/2008

Livro é notícia no Jornal Folha de Blumenau!



Jornal Folha de Blumenau, 19/04/2008.





Buscando o tom certo de cada palavra.

Uma maneira fácil de descontração, que também nos mantêm informados, é através do rádio. O único meio de comunicação que atinge todo o território nacional, todas as classes sociais, todas as faixas etárias, todos os níveis de escolaridade e, ao mesmo tempo, mexe com os nossos sonhos.A análise deste lado lúdico do rádio está no livro do jovem radialista blumenauense Watson Zucco Weber. Ele está lançando neste mês, em Blumenau, o livro chamado: Você Nunca Ouviu Nada Igual - Como o Rádio Pode Mudar a Sua Vida (Editora Nova Letra, 2008). Uma obra diferente, destinada aos profissionais da área, estudantes de comunicação, ouvintes e admiradores do rádio. Segundo o autor, quem trabalha no meio, ou ouve rádio diariamente, não percebe como essa mídia, sem querer, pode mudar a vida das pessoas. A cada capítulo, o livro fica mais interessante, misturando fatos da história do rádio, com dicas profissionais e uma pitada de motivação.Entre os temas abortados na obra, destacam-se: A História do Rádio, A Segmentação, O Rádio do Futuro, A Vida de Locutor, Falando em Público, Gerenciando e Motivando a Equipe, Promoções, Conquistando a Audiência, O Estilo Popular, As Vantagens do Rádio, Rádio-Terapia, A Imaginação, Sucesso, Sonho e muito mais.


Biografia


Watson - que é graduado e pós-graduado pela Universidade Regional de Blumenau (Furb), professor, produtor de áudio e locutor da Guararema FM - diz que existem muitas bibliografias sobre a história do rádio e de técnicas utilizadas por locutores, mas pouco se conhece sobre o mundo de fantasias por trás do rádio. Neste livro, ele juntou a história e as técnicas para descobrir o rádio a partir de um novo ângulo.Com prefácio do professor e doutor em Comunicação, Clóvis Reis, Você Nunca Ouviu Nada Igual está sendo lançando e vendido através endereço eletrônico: vocenuncaouviunadaigual.blogspot.com. Ele pode ser adquirido também na Livraria Acadêmica, em frente à Universidade Regional de Blumenau. “O livro é uma excelente dica de leitura para os apaixonados por rádio”, adianta o autor que acredita que Você Nunca Ouviu Nada Igual."



Fonte: http://www.folhadeblumenau.com.br/novosite/noticia.php?noticia=3339&url=noticia.php?noticia=3339






Na mesma edição do jornal, o colunista Gustavo Siqueira também faz um comentário do livro. Valeu Gustavo!

18/04/2008

Equipe da TV Record também recebe o livro!


Começam a circular na imprensa os primeiros livros "VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL".

O apresentador do Jornal do Meio-Dia da RIC RECORD de Blumenau, Alexandre José (foto) recebeu pessoalmente o seu exemplar hoje, dia 18 de abril, poucos instantes antes de entrar no ar, ao vivo. Na oportunidade entreguei outro exemplar à apresentadora do programa Ver Mais, também da RIC RECORD, Cinthia Canziani.

14/04/2008

PRIMEIRA PALESTRA DE LANÇAMENTO DO LIVRO FOI UM SUCESSO!


Notícia extraída do site da Faculdade Assevim de Brusque(SC):

Publicitário Watson Weber ministra palestra na ASSEVIM
Na noite da última terça-feira, dia 08 de abril, a turma PP14, do curso de Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda, e a turma MKT 17, do curso de Administração com Linha de Formação em Marketing, assistiram, na sala 19ª, à palestra “Criação Publicitária para Rádio”, ministrada pelo publicitário Watson Weber.
Durante sua fala, Watson abordou, de forma bem humorada, elementos que devem ser cuidados pelos profissionais de publicidade e marketing ao elaborarem ou aprovarem mensagens que têm como canal de veiculação o rádio. Esses elementos vão desde o texto da mensagem até a dicção do locutor. “Qualquer erro na elaboração da mensagem, pode gerar um ruído de comunicação. Isso faz com que o ouvinte não entenda perfeitamente o que o emissor quis dizer”, explicou.
Watson é graduado em Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Novas Mídias – Rádio e Televisão pela Universidade Regional de Blumenau (FURB). A palestra dele faz parte do conteúdo programado para a disciplina “Criação Publicitária”, que é ministrada pelo professor Fábio Peixoto.
A união das turmas PP14 e MKT17 teve como objetivo reforçar os ideais de interdisciplinaridade, que estão presentes em todas as rotinas da Associação Educacional do Vale do Itajaí-Mirim (ASSEVIM). Durante a palestra, por exemplo, os acadêmicos dos dois cursos tiveram a oportunidade de discutir vários temas relevantes, como a melhor forma de uma empresa se comunicar com seu público-alvo.
Segundo a professora Denise Sapelli, que ministra a disciplina “Propaganda” para a turma MKT17, a palestra serviu para aproximar ainda mais os alunos do mercado de trabalho. “É importante lembrar que um dos princípios norteadores da ASSEVIM é o Aprender Fazendo. Por causa disso, trazer a realidade das empresas para dentro da sala de aula é sempre muito importante”, comentou.

FONTE: http://www.assevim.edu.br/
CONTATOS COM O PALESTRANTE: watson@vinte.net

09/04/2008

Compre aqui o livro do Rádio!



LIVRO: VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL.

PREÇO: R$ 39,90.

ATENÇÃO: OS LIVROS NA VERSÃO IMPRESSA ESTÃO ESGOTADOS, TEMOS SOMENTE A VERSÃO DIGITAL, EM PDF.




Ou faça um depósito bancário no Banco do Brasil ou Itaú. Escolha um banco e solicite o número da conta por e-mail.


COMPRE VIA TELEFONE
Tele-vendas Studio20: (47) 3340 22 20


Qualquer dúvida, mande um e-mail para: watson@vinte.net

27/03/2008

Degustação...

Segue um trecho do livro "VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL":

Capítulo 2 – E o Livro

Você deve estar se perguntando... Por que ler um livro sobre rádio? Como o rádio pode mudar a minha vida? Ou: “que diabos” faz um cachorro na capa? Você terá as respostas nas próximas páginas.
Posso lhe assegurar que coisas incríveis vêm por aí. Desde o meu primeiro contato com rádio, tanto na locução quanto na produção, achei tudo fantástico. Assim como eu me encantei, percebi o fascínio dos ouvintes por este sistema de comunicação, que faz com que as pessoas viagem sem precisar sair de casa.
Em um rápido comparativo com outros meios de comunicação, o rádio é o único que, ao mesmo tempo, atinge todo o território nacional, todas as classes sociais, analfabetos ou não, e desenvolve a imaginação. Este é o principal ponto que me motivou a escreve esse livro: a imaginação. Com ela vamos para onde e a hora que quisermos, e o mais importante, de graça! Um dos melhores instrumentos para botar em prática a imaginação é o rádio.

Você sabia que o rádio é um dos utensílios que os brasileiros mais têm em casa, junto com o fogão, televisão e a geladeira? O total de residências com rádio, segundo o IBGE, chega próximo aos 50 milhões. Tente imaginar o que esses quase 50 milhões de aparelhos de rádio são capazes de fazer e como eles podem mudar o ser humano.
O maior poder de penetração desse meio de comunicação é na zona rural. Ainda de acordo com o IBGE, o homem do campo prefere o rádio à televisão. O rádio se destaca também entre a população de baixa renda, em 55% dos lares brasileiros onde está presente, a renda familiar não ultrapassa cinco salários mínimos. É com essa grande massa de ouvintes que o rádio pode conversar, ensinar, incentivar, mudar e fazer acontecer.

Será muito interessante dividir com você mais informações sobre esse veículo que está presente em praticamente todas as casas do Brasil.

Vamos verificar nas próximas páginas deste livro, pontos pouco abordados na literatura nacional relacionados ao meio rádio. Em todas as fontes que consultei, muito se comenta sobre história, de fatos ocorridos no dia-a-dia e de técnicas para locução. Senti a falta de informação sobre a parte lúdica do rádio. Então aproveitei e juntei a história e as técnicas para descobrir o rádio de um novo ângulo, ainda pouco explorado. Acredito que “Você Nunca Ouviu Nada Igual”.

19/03/2008

Release para Imprensa

O rádio que você nunca ouviu!

Uma maneira fácil de exercitar nossa imaginação a hora que quisermos, e de graça, é através do rádio. O único meio de comunicação que atinge todo o território nacional, todas as classes sociais, todas as faixas etárias, todos os níveis de escolaridade; e ao mesmo tempo, mexe com os nossos sonhos.

A análise deste lado lúdico do rádio está no livro do jovem radialista catarinense Watson Zucco Weber. Ele está lançando neste mês em Blumenau o livro chamado: Você Nunca Ouviu Nada Igual - Como o Rádio Pode Mudar a Sua Vida (Ed. Nova Letra, 2008). Uma obra diferente, destinada aos profissionais da área, estudantes de comunicação, ouvintes e admiradores do rádio. Segundo o autor, quem trabalha no meio, ou ouve rádio diariamente, não percebe como essa mídia, sem querer, pode mudar a vida das pessoas.

A cada capítulo, o livro fica mais interessante, misturando fatos da história do rádio local e mundial, com dicas profissionais, uma pitada de motivação e até um pouco de ficção para “ilustrar” as explicações.

Entre os temas abortados na obra, destacam-se: A História do Rádio, A Segmentação, O Rádio do Futuro, A Vida de Locutor, Falando em Público, Gerenciando e Motivando a Equipe, Promoções, Conquistando a Audiência, O Estilo Popular, As Vantagens do Rádio, Rádio-Terapia, A Imaginação, Sucesso, Sonho, e muito mais.

Watson, que é graduado e pós-graduado pela FURB, professor, produtor de áudio e locutor da Guararema FM, diz que existem muitas bibliografias sobre a história do rádio e de técnicas utilizadas por locutores, mas pouco se conhece sobre o mundo de fantasias por trás do rádio. Neste livro, ele juntou a história e as técnicas para descobrir o rádio a partir de um novo ângulo.

Com prefácio do professor e doutor em Comunicação, Clóvis Reis, Você Nunca Ouviu Nada Igual está sendo lançando pela editora Nova Letra, com vendas pelo endereço eletrônico: http://vocenuncaouviunadaigual.blogspot.com. As primeiras aquisições levam de brinde um adesivo “Eu Amo Rádio”.

O livro é uma excelente dica de leitura para os apaixonados por rádio. A leitura é bem agradável e o autor acredita que Você Nunca Ouviu Nada Igual.

17/03/2008

Prefácio do livro por Clóvis Reis


Watson? Elementar, meu caro! Watson = rádio.

Não imagino a vida de Watson sem o rádio. Desde os tempos da Universidade, onde o conheci como aluno, sempre o vi ligado ao rádio. Os colegas tinham a mesma impressão. Nas leituras em voz alta, tão comuns em sala de aula, era o primeiro voluntário. Com um timbre característico, buscava o tom certo em cada palavra, em cada frase, comportando-se como se estivesse diante de um microfone. Assim foi a faculdade inteira. No Trabalho de Conclusão de Curso que orientei, fez uma pesquisa sobre os comerciais veiculados nas emissoras de rádio com perfil popular. Depois da formatura, perdi contato com o Watson e só fui reencontrá-lo numa pós-graduação. Sua volta à universidade me causou certa surpresa, porque há tempos não nos encontrávamos. Nessa época, trabalhava em Gaspar, numa FM com programação em rede, e vez ou outra acompanhava suas intervenções. Porém, era tudo que sabia a seu respeito. Por fim, recorreu a mim novamente para a orientação da monografia de final de curso. Em seu trabalho, fez uma análise das transmissões de rádio pela Internet. Tanto a monografia quanto o TCC estão disponíveis para consulta na Biblioteca Central da Furb - Universidade Regional de Blumenau. Encerrada a pós-graduação, de novo fiquei sem contato com Watson. Entre idas e vindas, fiquei um tempo fora de Blumenau e no retorno soube que virara empresário, que dirigia uma produtora de áudio e vídeo, que estava numa grande emissora de rádio, que estrelava comerciais de televisão, que fazia propaganda política no rádio, que fazia locuções caricatas, que incorporava personagens diante do microfone, enfim, que ocupava espaços e construía uma sólida carreira na área de comunicação.
Que bom! Como professor do Watson, sinto-me recompensado com a sua escalada profissional e torço para que siga adiante, enfrentando e vencendo novos desafios, num meio de comunicação tão apaixonante como rádio.
Já houve quem dissesse que o rádio era um meio cego. Os apaixonados preferem a afirmação de ele é o meio que permite ver com os ouvidos, que é o teatro da mente. O fato é que nesse novo mundo da comunicação, o rádio é o meio pessoal definitivo, o mais pessoal dos meios de massa.

Clóvis Reis
Doutor em Comunicação, Professor de Redação Publicitária e Produção Publicitária em Rádio.

28/01/2008

Notícias do livro:

  • O livro foi revisado por Lena Romão.

  • A ilustração da capa foi produzida pelo designer gráfico da Studio 20: P.A.S.

  • O prefácio é do professor da FURB: Clóvis Reis.

  • Material foi editorado e impresso pela Editora Nova Letra.


25/01/2008

Resumo do Livro

O livro "Você Nunca Ouviu Nada Igual" serve para abrir a cabeça de profissionais da área, estudantes de comunicação, ouvintes e admiradores do rádio.

Mesmo quem trabalha no meio ou ouve rádio diariamente não percebe como essa mídia, sem querer, pode mudar a sua vida.

O rádio é o único meio de comunicação que atinge todo o território nacional, todas as classes sociais, todas as faixas etárias, todos os níveis de escolaridade; e ao mesmo tempo, desenvolve a imaginação. E com a nossa mente aberta podemos chegar onde queremos, a hora que quisermos, e de graça!

Você já deve ter ouvido falar da história do rádio e de técnicas utilizadas por locutores, mas pouco você conhece sobre o mundo lúdico por trás do rádio.

Neste livro juntou-se a história e as técnicas para descobrir o rádio de um novo ângulo. Acredito que Você Nunca Ouviu Nada Igual.

Conheça os Capítulos do Livro


VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL

SUMÁRIO

PARTE I – INTRODUÇÃO

Capítulo 1 – A Minha História

PARTE II – PARA QUEM FAZ
Capítulo 2 – A História do Rádio
Capítulo 3 – A Segmentação do Rádio
Capítulo 4 – O Rádio do Futuro
Capítulo 5 – Vida de Locutor
Capítulo 6 – A Regra 3 x 3
Capítulo 7 – Falando em Público
Capítulo 8 – Errar é Humano
Capítulo 9 – O Locutor do Futuro
Capítulo 10 – Gerenciando
Capítulo 11 – Motivando a Equipe
Capítulo 12 – Promoções
Capítulo 13 – Conquistando a Audiência
Capítulo 14 – O Estilo Popular
Capítulo 15 – Analisando um Mercado

PARTE III – PARA QUEM OUVE

Capítulo 16 – As Vantagens do Rádio
Capítulo 17 – Rádio-Terapia
Capítulo 18 – As Pílulas do Rádio
Capítulo 19 – A Imaginação
Capítulo 20 – O Sucesso
Capítulo 21 – Ouça e Viva Como um Cachorro
Capítulo 22 – Um Sonho