As melhores dicas do Brasil para uma comunicação extraordinária, por Watson Zucco Weber.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Como abrir uma rádio?

Muita gente me pergunta o que é preciso para abrir sua própria emissora de rádio. Primeira coisa que é necessário saber é que todas as emissoras, sejam de rádio ou Tv, comunitárias ou não, são concessões públicas, pertencem ao governo federal e você não será o dono, apenas o administrador do canal.
Você precisará juntar de uma série de documentos. Tem empresas que prestam assessoria para esse tipo de serviço. Aconselho procurar por uma para te ajudar.
Como você vai precisar de aprovação do governo, o apoio de um político da sua região será importante também para intermediar por você em Brasília.
E não é só isso, para entrar no ramo, é importante conhecer bem como funciona uma rádio, conversar com pessoas do meio, acertar parcerias, desenvolver um projeto e aguardar alguns anos pelo resultado.
Se você ainda não perdeu a vontade, encontre mais informações no site da Anatel (www.anatel.gov.br), que é o orgão do governo responsável pela regulamentação da radiodifusão no Brasil; ou no site do Ministério das Comunicações (http://www.mc.gov.br/acoes-e-programass/radiodifusao). Veja lá os detalhes sobre radiodifusão e boa sorte!

7 comentários:

selso disse...

Se o nome disso não é Comunismo, não sei o que seria ...

Watson disse...

é mais ou menos isso, selso! abraço!

claudio fernando correa disse...

Nada a ver com politico. tem que seguir os tramites legais. eu conheço empresarios que são muito bem influenciados em Brasilia e ganharam licitações em 2010 e até hoje as emissoras não foram liberadas.

Tadashi Kawai disse...

Muito superficial essa explicação, está mais pautada em opinião do que informação.

Watson disse...

Respondendo claudio fernando correa:
não quis dizer que um político possa influenciar na concessão de um canal de rádio, mas sim auxiliar interessados de pequenas cidades para conseguir "voz" em Brasília. Obrigado por comentar, abraços!

Watson disse...

Respondendo Tadashi Kawai: a intenção deste artigo não é detalhar o processo de abertura de uma rádio. O detalhamento técnico está no site do Ministério das Comunicações. Abraço!

Anônimo disse...

isto calunia contra a impressa, poderia ser mais facil