29/06/2012

Visitamos a Rádio de Gaspar

Esta semana Watson Zucco Weber esteve visitando o jornalista Jota Aguiar da Rádio Sentinela do Vale, de Gaspar-SC. Em entrevista ao vivo no jornal das 17hs comentou sobre a importância da comunicação e suas palestras.

Ouça a entrevista aqui.

25/06/2012

Dicas de Locução com Bob Floriano das Casas Bahia


O locutor Bob Floriano trabalha para Casas Bahia há 12 anos. Nesse período, gravou nada menos do que 80 mil comerciais para o anunciante. Além disso, desde setembro do ano passado, ele também atua como presidente do Clube da Voz, entidade que completa 20 anos em 2012 e reúne os melhores profissionais de locução em atividade. Este ano, Floriano colocou no ar a Rádio Clube da Voz, transmitida via internet que tem como objetivo informar o mercado publicitário sobre o que acontece no setor, sempre de forma descontraída. Ele ainda tem dado palestras em faculdades de publicidade para que os “futuros contratantes” conheçam o serviço da locução profissional e reconheçam sua importância. 
Sua carreira começou na década de 80, na Rádio Cidade, de São Paulo, montada por uma de suas referências profissionais: Carlos Towsend, criador das rádios FM no Brasil. Floriano também esteve no programa Fala Brasil, da Record, que, segundo ele, mudou até o padrão de telejornalismo da líder Rede Globo. Outra parceria de longa duração é com o canal pago E! Entertainment, de quem Bob é a voz também há 12 anos, além de atuar como “voz-padrão” de rádios em Brasília e em João Pessoa.
Foi-se o tempo em que a gravação de um comercial contava com a presença de profissionais da agência e do anunciante. Hoje, em um home estúdio, Floriano grava de 20 a 30 comerciais por dia, sozinho. De acordo com ele, porque já passou por muito tempo de aprendizado com os grandes mestres e aprendeu a caminhar com as próprias pernas, no caso, a definir sozinho a melhor entonação. Os únicos cuidados com seu instrumento de trabalho são não fumar nem gritar e evitar exposição demais a locais com ar-condicionado. Para quem está ingressando na carreira, Floriano recomenda “praticar, praticar, praticar”. Além disso, é crítico do imediatismo da geração Y e de quem trabalha “por qualquer R$ 50”. Profissional consagrado, seu desejo é continuar atuando na área, ainda que em novos segmentos como o de treinamento e palestras para empresas e executivos, ajudando-os em seus processos de comunicação internos e externos. Floriano defende que a locução profissional ainda tem muito de crescer no Brasil e deve lutar para se manter. Mas marcar território é fundamental: “Galo que não canta vai para a panela! A gente se faz presente o tempo todo; é preciso mostrar que seu trabalho é importante e dá resultado.”

Fonte: Caros Ouvintes e M&M.

20/06/2012

Nova função do rádio: REPELENTE DE MOSQUITO!

A Agência de Propaganda Talent conquistou este ano o primeiro Grand Prix do Brasil em Rádio na história do Festival de Cannes, com o trabalho desenvolvido para a edição nacional da Revista Go Outside. A produção foi de Punch Audio e Gigante Estúdio.
 
A Revista Go Outside é dirigida a pessoas que gostam de esportes outdoor, e um dos principais problemas para esse público são os mosquitos. Para espantar os insetos, o anunciante patrocinou a transmissão de um sinal de baixíssima frequência, inaudível ao ouvido humano, mas percebido pelos mosquitos como o som do vôo de um de seus predadores naturais. Ou seja, ao ouvir o sinal, o mosquito se afastava da fonte de emissão. Em 15 dias de transmissão, três milhões de aparelhos sintonizaram o sinal, transmitido pela rádio Band FM.
 
Além das inúmeras funções do rádio, acabaram de inventar o Rádio-Repelente.
 

19/06/2012

Livro Você Nunca Ouviu Nada Igual é utilizado em Faculdade de Jornalismo.

Alunas Kely Rodrigues e Rose Leite, do curso superior de jornalismo do Ibes/Sociesc de Blumenau, leram e utilizaram o livro Você Nunca Ouviu Nada Igual como fonte de pesquisa no seu trabalho acadêmico.

14/06/2012

Curso de Oratória para Candidatos Políticos


Estamos aplicando este ano o Curso de Oratória desenvolvido especialmente para candidatos a cargos políticos nas eleições municipais.  

O curso é prático, dinâmico, motivador e bem humorado.

Ele é aplicado na sua cidade e adaptado para 3, 6 ou 9 horas de aula.
Inclui: apostila, certificado e sorteio de brindes.
Assuntos abordados:
·         IMPORTÂNCIA DA COMUNICAÇÃO
·         NÍVEIS DA COMUNICAÇÃO
·         NÃO É PRECISO NASCER COMUNICADOR
·         QUALQUER PESSOA PODE FALAR EM PÚBLICO
·         MOMENTO CERTO DE FALAR CERTO
·         FORMULA DA BOA COMUNICAÇÃO
·         ATITUDE
·         ENVOLVIMENTO X COMPROMETIMENTO
·         POSITIVISMO
·         MARKETING PESSOAL
·         A ARTE DE FALAR EM PÚBLICO
·         O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO
·         ARTISTA DA VOZ
·         PÚBLICO ALVO/LINGUAGEM ADEQUADA
·         ROTEIRO/OBJETIVIDADE
·         LEITURA/CONCENTRAÇÃO/ACREDITAR  
·         USO DO BOM HUMOR
·         POSTURA/OLHAR NOS OLHOS
·         GESTICULAÇÃO
·         VARIAÇÃO DE VELOCIDADE E RITMO DA FALA
·         VOLUME ALTO E  TOM CERTO
·         PRONÚNCIA/DICÇÃO
·         INTERPRETAÇÃO DE TEXTO
·         SE DER BRANCO?
·         REVISAR/ IMPROVISAR
·         OTIMISMO
·         TREINAMENTO
·         DINÂMICAS EM GRUPO
·         PALAVRAS CHAVES PARA PERSUASÃO
·         MOTIVAÇÃO

O curso é ministrado por Watson Zucco Weber, especialista em comunicação. Publicitário, pós-graduado em Novas Mídias, Rádio e TV. Locutor, redator e produtor de áudio para TV e rádio. O autor do livro VOCÊ NUNCA OUVIU NADA IGUAL. Co-autor do livro O PODER DA COMUNICAÇÃO PERSUASIVA. Participou em São Paulo do Programa de Treinamento da Rede Nativa FM e do Programa de Treinamento de Apresentadores ShopTour. Foi professor de Comunicação Empresarial do Senac. Atualmente, além de palestrante, é apresentador de TV, colunista do site Caros Ouvintes e diretor de comunicação da Studio 20 Filmes.


Solicite um orçamento: watson@vinte.net

13/06/2012

Feliz 2ª Metade de 2012!

 
Daqui a alguns dias, metade do ano de 2012 já terá ido pro saco. E o que você disse que faria neste ano, desistiu? Esqueceu? O ano ainda não acabou e ainda dá tempo de 2012 ser um grande ano em sua vida. Para isso:

1. Pare de esperar. Crie, ouse, faça!
2. Pare de culpar. Assuma, puxe a responsabilidade e aja!
3. Pare de desperdiçar tempo. Hoje é o espelho de seu futuro. Então, levante agora as nádegas ...da cadeira!

Ainda dá tempo.
Feliz 2ª metade de 2012!

(Texto de Flávio Augusto/Geração de Valor)

12/06/2012

Curso de Locução está colhendo resultados

Hoje quero agradecer aos quase 50 alunos que já fizeram ou estão fazendo o nosso curso de locução Nada Igual pela internet. Obrigado também pelos depoimentos recebidos:

"Olá, estou lhe escrevendo para dizer que recebi o curso de Locução, como prometido. Tô aprendendo muito com ele. Aliás, no primeiro dia que li as primeiras páginas da apostila, me senti um locutor de verdade [risos!]. Muito bom mesmo, além de prático.
Até mais, e sucesso!!!"
Atenciosamente,
Marcos Brito Moreira Matos
Vitória da Conquista-BA

"o seu curso está me ajudando muito!!! agora eu acho que só a prática vai se encarregar do resto. que Deus o abençoe!!!"
Andreia Lucia da Silva
Candido Mota-SP

"O curso é bom eu indico."
Maria Helieuza David Alves
Milagres-CE

Muito gratificante poder dividir um pouco do meu conhecimento com todos os cantos do Brasil. Valeu galera!

06/06/2012

Como Narrar Futebol



Por Luis Claudio de Paula.

PREPARAÇÃO:O narrador recebe da Rádio a escala com os jogos a serem narrados. Portanto, a primeira coisa a se fazer é pegar o máximo de informações possíveis sobre as equipes que jogarão a partida. Isso é trabalho do repórter normalmente, mas o narrador também deve se preparar para estar o mais interado possível.
Pesquise a respeito do histórico dos confrontos entre as equipes, os artilheiros, os principais jogadores, a classificação atualizada na competição, as curiosidades, enfim, todos os detalhes que cercam as partidas. Jogadores "pendurados" com cartão amarelo, suspensos, contundidos etc.
Procure se utilizar do notebook ou até mesmo de um caderno para colocar todas as escalações e fazer um arquivo. Isso vai auxiliá-lo nas próximas transmissões que envolvem as mesmas equipes.
Garrafa d'água é indispensável. Mas tudo isso será assunto de uma aula futura, tá bom?

NARRAÇÃO RADIOFÔNICA:
É a chamada narração discursiva. O narrador leva com detalhes tudo o que acontece na arena. Nada pode fugir dos olhos do narrador, afinal de contas o ouvinte não tem o auxílio da imagem. Tudo deve ser levado em consideração. Imaginemos um clássico no Pacaembu entre Corinthians e Palmeiras pela terceira rodada do Brasileirão. A rádio é a Osasco AM (sou morador de Osasco, por isso). Prestem atenção como seria, por exemplo, em linhas gerais a abertura da jornada esportiva.

"Um grande abraço a você torcedor ligado na Osasco AM. Falamos ao vivo do Estádio Paulo Machado de Carvalho - o Pacaembu. A partir de agora você vai acompanhar as emoções do Brasileirão 2012. É a terceira rodada da competição. Corinthians e Palmeiras. Corinthians já no gramado - camisas brancas, calções pretos e meiões pretos. O Timão que é o segundo colocado com 4 pontos. Quando nesse momento entra em campo o Palmeiras. Puxado pelo capitão Marcos Assunção, o Verdão vem com camisas verdes, calções brancos e meiões verdes. Palmeiras que ocupa a sétima posição com 3 pontos ganhos e busca sua segunda vitória no Brasileirão."

Veja que você posicionou o ouvinte a respeito do mais importante: competição, equipes, campanha e detalhes dos uniformes. Depois disso, você pode chamar os repórteres para destaques iniciais e na seqüência trazerem as escalações das equipes e trio de arbitragem. Pede uma pincelada rápida do comentarista e assume de vez o comando da transmissão.

"Tudo pronto para o início da partida. A saída pertence ao Palmeiras. Goleiro Bruno fica à minha direita defendendo o gol do tobogã. Cássio, goleirão do Corinthians, à minha esquerda defendendo o gol do portão principal. O árbitro acerta os últimos detalhes, confere o cronômetro e apita. Bola rolando no Pacaembu!"

A partir daí é com você. Algo que não pode faltar é situar o ouvinte onde a bola está e onde os jogadores se encontram posicionados. Lembre-se que você é os olhos do ouvinte. Acostume-se com os locais do campo, dentro e fora das 4 linhas. Por exemplo: grande área, pequena área, meia lua, lateral esquerda, lateral direita, intermediária defensiva, intermediária ofensiva, meia esquerda, meia direita, ponta esquerda, ponta direita, linha divisória do gramado (linha que divide o campo), linha lateral, linha de fundo, círculo central. Ou seja, você tem que situar o ouvinte de onde a jogada está acontecendo e antever o posicionamento e a movimentação dos jogadores.

"Posse de bola da equipe do Corinthians no campo de defesa. Chicão domina na zaga central e toca curtinho com Castán. Castán solta a bola na esquerda com Fabio Santos. Fabio Santos acelera e faz o toque com Ralf no círculo central. Ele ultrapassa a linha que divide o gramado e trabalha com Danilo pela meia esquerda pertinho do bico da grande área. Danilo gira pra cima do marcador e inverte a jogada da esquerda para a direita para o apoio do Alessandro. Alessandro domina, parte pra cima da marcação, ganhou, foi pro fundo, tentou o levantamento, houve o desvio do jogador do Palmeiras e é escanteio para o Corinthians pela direita."

O ritmo é acelerado, com o mínimo de espaço possível. Não pode haver vácuo na narração. O silêncio deixa o ouvinte ansioso. Portanto, se estiver com dificuldades, chame o comentarista para falar. Aliás, o comentarista é chamado com pelo menos 9 minutos de bola rolando, a não ser que algo diferente tenha acontecido. Por exemplo, uma expulsão, um gol, um lance inusitado. Os repórteres no rádio são acionados a todo o momento pelo narrador. Cada repórter cobre uma equipe.

Fonte: http://comonarrarfutebol.blogspot.com.br/

Esperamos que esteja gostando do nosso blog.
Aproveite para conhecer nosso CURSO DE LOCUÇÃO.

Leia nosso LIVRO SOBRE RÁDIO.

Saiba como melhorar sua ORATÓRIA.

Ou ganhe renda extra revendendo nossos produtos.