sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Corra atrás de sua motivação.


O palestrante Luciano Pires conta que a alguns anos atrás, um ladrão invadiu o Centro de Treinamentos de Presidente Prudente e tentou roubar os pertences dos atletas. No local estavam treinando os atletas olímpicos da corrida de revezamento: Claudinei Quirino, André Domingos, Edson Luciano e Vicente Lenilson, medalhas de prata em Sidney em 2000.

Quando perceberam o roubo, rapidamente, os quatro saíram correndo atrás do bandido. O ladrão pulou o muro em direção a rua, correu, correu e correu tanto que, surpreendentemente, conseguiu escapar dos atletas mais rápidos do país.

Como ele conseguiu essa façanha? Ora, ele tinha uma grande motivação, um motivo que leva a uma ação. Ele olhou pra trás e pensou: "se me pegarem eu tô fu****!"

Quando a gente passa por uma situação de adrenalina e medo podemos fazer coisas incríveis. Quando estamos acomodados, dificilmente conseguimos superar desafios. É na fronteira do perigo que está a motivação para superar suas limitações. O friozinho na barriga é um alerta de perigo, indica que você está na área de risco. O risco pode nos derrubar. E é ele que pode também nos levar onde ninguém foi.

Já se imaginou falando na frente de 1.000 pessoas? Fechando negócio com a maior empresa do mundo? Desenvolvendo projetos que ninguém jamais fez? Se você não arrisca não sabe do que é capaz. Se você não quiser correr riscos é fácil: não faça nada e não seja ninguém. Mas se você quer superar desafios, busque motivação e enfrente seus medos.

Nenhum comentário: